Passo gigante do PABX Asterisk

Digium e NTT do Japão surpreenderam com um importante acordo de licenciamento.

A Digium Incorporated, principal desenvolvedor do Asterisk, venceu barreiras fechando um acordo com uma subsidiária da operadora NTT, gigante japonesa do setor de telefonia, o qual está sendo visto como um passo muito significativo para o sistema PABX em plataforma aberta neste mercado crítico.

Até aqui o Asterisk Business Edition, a versão premium da Digium do software, tem estado em inglês e isso tem sido uma barreira para seu uso no potencial mercado japonês, de acordo com Jim Webster, diretor de tecnologias de software da Digium. A respeito do acordo, a NTT Software Corporated vai desenvolver sua própria versão do Asterisk Business Edition para uso no seu produto PABX ProgOffice? para o mercado de pequenas e médias empresas do Japão.

"Isso vai ajudar a alavancar o domínio e a popularização do Asterisk no Japão, onde o Asterisk agora será visto como algo que está pronto para o uso massivo", disse Webster.

O acordo com NTT é um exemplo das várias formas de novos negócios prometidos pela Digium quando ela deu uma sacudida no seu corpo gerencial anteriormente neste ano, contratando o ex-presidente da Adtran e chefe operacional Danny Windham para ser o executivo chefe da companhia.

Steve Harvey, que tinha sido o vice-presidente de canal de vendas e para operadoras de serviço competitivo na Adtran, ao mesmo tempo foi nomeado vice-presidente de vendas da Digium para o mercado mundial .

Mark Spencer, o criador do Asterisk, fundador e ex-presidente da Digium, tornou-se o presidente da companhia e chefe de tecnologia da empresa.

Salto Significativo

Como resultado desta mudança gerencial e um novo foco na expansão do Asterisk no gigante mercado das telecoms, sinalizado pelo recente acordo com NTT, a Digium acredita dar um salto significativo na aceitação completa tanto da sua própria solução profissional quanto da versão do Asterisk licenciado como software livre nos próximos 12 meses.

O que não estar claro, no entanto, é o que o tratado com a NTT e acordos similares vão significar para o desenvolvimento do código aberto do Asterisk em si.

A NTT Software vai desenvolver o Asterisk Business Edition sob forma de uma licença comercial que permitirá a ela manter proprietário os resultados deste desenvolvimento . O grande trabalho a ser feito pela NTT Software está na caracterização do produto para os padrões locais e isso é compreensível que eles queiram fazer dessa forma pra si mesmos por razões competitivas, disse Webster.

Está valendo para a NTT Software se desejar liberar tudo e qualquer código do Asterisk que eles desenvolverem. Sob as cláusulas do licenciamento GPL que rege a outra versão do Asterisk Business Edition, são pemitidos aos usuários fazer mudanças no código fonte do Asterisk, mas estas mudanças geralmente precisa ser retornada a comunidade software livre de sorte que todos os membros podem fazer uso dele. 

 
< Anterior   Próximo >

Apoio


 

Blog

A feed could not be found at http://www.voipmania.com.br/blog/rss

Login






Perdeu a senha?
Cadastre-se agora!
Advertisement

Enquete

Meu dia a dia com o Asterisk é: